Tornar Fortes as Coisas Fracas

No Centro de Autossuficiência SUD (LDS Jobs), vamos ajudá-lo a obter um trabalho remunerado por meio de aprendizado e das redes de contato com empresas locais.

Para muitas pessoas, as deficiências físicas são um obstáculo intransponível para o sucesso profissional. Contudo, para Cassandra, a surdez foi o que a motivou a ter sucesso não só na carreira, mas também na vida.

Cassandra, a mais velha numa família de quatro filhas, cresceu no Havaí. Embora sua deficiência tenha sido uma provação para a família, eles sempre acreditaram que ela poderia ter êxito em qualquer empreitada a que se propusesse.

“Aprendi com meu pai, ainda na tenra infância, a enfrentar os obstáculos da vida e a vencer os temores pessoais ligados a minha surdez”, conta Cassandra.

Apesar dos desafios que enfrentou na infância e adolescência, Cassandra formou-se na escola secundária e foi estudar na única instituição de ensino superior para surdos dos Estados Unidos.

Depois de ser coroada Miss Surda do Havaí, também usou sua experiência para edificar o próximo. “Representar todos os cidadãos surdos residentes no Estado do Havaí foi uma responsabilidade e tanto”, recorda ela. “Mas quando me dediquei de corpo e alma a essa nova obrigação, isso mudou minha vida”.

Após o êxito nos estudos e no trabalho com a comunidade, Cassandra sabia que poderia ter sucesso também no mercado de trabalho. Contudo, estava com dificuldade para saber onde achar oportunidades profissionais, até que visitou o centro de recursos de emprego de Honolulu.

“Meu desafio era provar que, mesmo surda, preenchia os requisitos de um emprego em tempo integral”, conta ela. “Ao conhecer o gerente associado do centro de empregos, senti paz”.

“Tivemos de usar um bloco de anotações para nos comunicarmos”, lembra Vonn Logan, o gerente associado. “Mas não demorei a perceber quanta sorte teria o empregador que viesse a contratá-la. Ela tem uma personalidade envolvente que exala compaixão e seu conhecimento de tecnologia é de primeira”.

Depois de tomar conhecimento da experiência profissional e dos interesses dela, Vonn encaminhou Cassandra a uma empresa local de propriedade de membros da Igreja.  Depois de entrevistada, Cassandra foi contratada para trabalhar como especialista de recursos humanos e secretária fiscal.

 “Sou muito grata a eles por me permitirem demonstrar o que sou capaz de fazer no mundo do trabalho”, afirmou Cassandra. “Ao me contratarem, o foco deles era em minha capacidade e minhas possibilidades e não minha surdez”.

Com a ajuda do empregador, Cassandra descobriu formas de contornar a deficiência física. Comunica-se no escritório na língua americana de sinais, com o auxílio de um intérprete, e também por e-mail, SMS, pranchetas digitais e outros recursos.

Mas a ferramenta mais eficaz para o sucesso, segundo ela, foi a oração. “Sei que o Pai Celestial sempre esteve a meu lado. Seu amor me abençoou com experiências de vida significativas e supriu todas as minhas necessidades diárias. É por causa de Suas bênçãos que a vida para mim é bela e gratificante”.

Comentários

Foi útil?