De Volta da Moldávia

No Centro de Autossuficiência SUD (LDS Jobs), vamos ajudá-lo a obter um trabalho remunerado por meio de aprendizado e das redes de contato com empresas locais.

Trent e Iuliana conheceram-se em Chicago, EUA, enquanto ela estudava lá, vinda da Moldávia, país da Europa Oriental. Ela estava nos Estados Unidos devido a uma bolsa de estudos que exigia que voltasse ao país natal por pelo menos dois anos logo que terminasse o curso. Depois de se casarem, Trent e Iuliana mudaram-se para Chișinău, Moldávia, e lá moraram durante dois anos e meio. Nesse período, Iuliana cursou Direito e trabalhou como consultora jurídica independente e numa firma de consultoria comercial. Trent trabalhava para a Igreja e para uma organização internacional de negócios. Aproveitou para aprender romeno e um pouco de russo.

Quando Trent e Iuliana se mudaram de volta para Chicago, ambos começaram a procurar trabalho. Estavam cientes de que o mercado de trabalho estava passando por um momento difícil, mas permaneciam esperançosos. Trent começou sua busca de emprego com algumas boas perspectivas, mas que não se concretizaram.

Ao regressarem aos Estados Unidos, logo nas primeiras semanas, o pai de Trent, Gary, incentivou-os a participar do Curso de Autossuficiência Profissional. Trent ficou impressionado com a diferença que um pouco de instrução formal adicional fez para melhorar seu currículo. Aprendeu que precisava direcionar seu currículo para as habilidades e a experiência que os empregadores em perspectiva buscavam.

“Antes eu apenas elencava no currículo todas as experiências que eu já tivera, na esperança de que os recrutadores enxergassem algo em mim, algum tipo de potencial”, admitiu Trent. “Na verdade, bastava informar-lhes algumas coisas boas sobre mim”.

Além de aprender a redigir um currículo, Trent também aprendeu a criar uma rede de contatos. Depois do curso, Trent conversou com uma ex-colega de trabalho de seu pai e aprendeu mais sobre como pôr em prática seus conhecimentos linguísticos e sua experiência de vendas. Ela ajudou-o a identificar uma empresa que correspondesse a seu perfil. Depois de conversar com ela, Trent sentiu-se otimista em relação a sua busca de trabalho.

“Ela me ajudou a sentir que o que tenho a oferecer como funcionário é valioso e que posso usar minhas habilidades e meu conhecimento para fazer uma contribuição significativa”, explica Trent.

Com base nessas novas orientações, Trent fez redes de contatos com os membros da ala e ficou sabendo da abertura de uma vaga numa empresa que lhe interessava. Além de identificar uma oportunidade de emprego, esse membro da ala o ajudou a preparar-se para a entrevista.

“Consegui o emprego no aniversário de minha esposa”, conta Trent. “Ela disse que foi o melhor presente possível”.

Depois de quase seis meses procurando emprego, Trent e Iuliana sentiram-se gratos quando Trent conseguiu um.

“Nós dois nos sentimos humildemente gratos, pois reconhecemos tratar-se de uma enorme bênção e resposta a nossas orações”, disse Trent.

Comentários

Foi útil?