Perdeu o Emprego?

No Centro de Autossuficiência SUD (LDS Jobs), vamos ajudá-lo a obter um trabalho remunerado por meio de aprendizado e das redes de contato com empresas locais.

Perder um emprego pode ser aterrador. As consequências da perda do emprego podem afetá-lo emocional, mental, espiritual e fisicamente. Depois de perder o emprego, é possível que pense não ter nada com que contribuir para uma nova companhia ou posição. Pode estar imaginando o que vai fazer para voltar ao mercado de trabalho ou por que isso aconteceu com você. Mesmo nessa época de incertezas e dificuldades, você pode encontrar paz. 

Abaixo estão algumas preocupações comuns e sugestões para aqueles que recentemente perderam seu emprego:

 
Como Posso Encarar o Fato de Haver Perdido o Emprego?

É normal sentir tristeza depois de perder o emprego. É importante dar-se tempo para se recuperar dessa experiência, mas também é essencial começar a procurar um serviço, logo depois de ficar desempregado. Sobreviver ao Desemprego: Uma Oportunidade de Confiar no Senhor pode ajudá-lo a identificar um caminho para começar a procurar um emprego. 

Como Posso Recuperar Minha Confiança?

Não ter um emprego pode fazer com que você perca a confiança em si mesmo e em suas habilidades. A confiança é um ingrediente importante para a obtenção de um emprego. Se você puder identificar seus pontos fortes e suas habilidades, poderá mostrá-los melhor aos empregadores.

Identificar seus pontos fortes. Aja com calma para identificar seus dons e suas habilidades. Pense em como esses dons e essas habilidades o ajudaram a realizar metas ou tarefas específicas em sua vida. Os Serviços de Recursos de Emprego oferecem um curso gratuito denominado Curso de Autossuficiência Profissional, que pode ajudá-lo a identificar suas habilidades e apresentá-las com confiança aos empregadores em potencial.

Aprenda uma nova habilidade. Outra maneira de readquirir a confiança é aprender algo novo. Identifique alguma coisa interessante que gostaria de aprender, seja grande ou pequena. Trace uma meta para aprendê-la. Encontre um livro ou um curso que possa ensinar-lhe novas habilidades, ou pense em voltar à escola ou iniciar um treinamento. Se precisar, aprimore suas habilidades e prepare-se para um emprego melhor.

Ensine outras pessoas. Procure oportunidades de compartilhar seus talentos, habilidades e aptidões com os outros. Seja voluntário na comunidade. Você pode surpreender-se ao descobrir quantas oportunidades de serviço voluntário existem em sua área. 

O que Posso Fazer para Reduzir o Estresse?

O estresse é um efeito secundário da perda de emprego. Ele se manifesta de muitas formas, como ansiedade, insônia, dor física e problemas de relacionamento.

Identifique a causa de seu estresse e planeje como lidar com ela. Você pode aliviar muitos de seus sintomas, identificando-os e planejando como lidar com eles. Aprenda a reconhecer e reduzir seu estresse.

Ore. Na oração, peça ajuda para realizar as tarefas que lhe causam estresse. Ao procurar um emprego, lembre-se de incluir Deus em sua busca. Demonstre gratidão em suas orações.

Procure e encontre perdão. Se você saiu de um emprego de modo desagradável, pode ter sentimentos negativos com relação à companhia, ao empregador, a um colega de trabalho ou até a si mesmo. Essas emoções negativas podem aumentar seu estresse. Podem também atrapalhar sua capacidade de prosseguir. Procure resolver esses sentimentos.

Procure meios de ser feliz. Lembre-se de rir e ser positivo todo dia. 

Devo Mudar de Carreira?

Essa pode ser uma ocasião perfeita para refletir sobre suas escolhas.

Examine suas opções. Pense nos empregos que já teve, seus interesses e objetivos atuais. Descubra que tipos de serviço podem melhor adaptar-se a você, realizando entrevistas solicitando informações. Entre na rede de contatos para verificar quais são os empregos disponíveis que não estejam sendo anunciados. Pondere se você se beneficiaria com estudos adicionais.

Assista a um curso sobre empregos. Os Serviços de Recursos de Emprego oferecem diversos cursos gratuitos: o Curso de Autossuficiência Profissional, o Curso de Negócio Próprio e, em algumas localidades, o Programa de Colocação Profissional, para ajudá-lo a ter mais sucesso em encontrar trabalho ou iniciar seu negócio próprio.

Identifique suas habilidades transferíveis. Se você estiver trocando de carreira, relacione as habilidades, os talentos e a experiência que adquiriu em empregos anteriores ou no trabalho voluntário. Pense em como suas habilidades o ajudaram a conseguir realizações específicas. Crie uma declaração do “Comercial de 30 segundos” e declarações de poder. 

Como Comunico às Pessoas que Preciso de um Emprego?

Encontre um mentor. Trabalhe com um mentor ou treinador em empregos para preparar uma declaração do “Comercial de 30 segundos”, um perfil para a rede de contatos e declarações de poder. Prepare uma explicação breve que você possa mostrar às pessoas a respeito de sua situação. Isso o ajudará a sentir-se confiante ao recorrer à rede de contatos. Ensaie situações com seu mentor. Planeje como esclarecer as dúvidas que empregadores em potencial possam ter. Ao iniciar os contatos da rede, discuta suas experiências com o mentor. Solicite os comentários dele e esteja disposto a fazer mudanças.

Informe suas redes de contato. Procure oportunidades de fazer contatos pela rede. Converse com todos, participe de grupos sociais de contato na rede, e distribua seu perfil para a rede de contatos. Não se afaste dos outros. Os contatos pela rede aumentam grandemente suas oportunidades de encontrar trabalho, podendo diminuir o tempo em que ficará desempregado. Muitas vezes os bispos, as presidentes da Sociedade de Socorro, os presidentes dos quóruns e os especialistas de emprego da ala podem ser seus contatos mais úteis.

Permita às pessoas que o ajudem. Perder o emprego pode torná-lo mais humilde. Essa experiência pode fazer com que você cresça em muitos aspectos de sua vida. Esteja disposto a deixar que as pessoas o ajudem. Solicite, em oração, a ajuda do Pai Celestial, a fim de aceitar ajuda, sugestões e bons conselhos das pessoas.

“Deus realmente nos nota e nos protege”, disse o Presidente Spencer W. Kimball (1973–1985). “Mas geralmente é por meio de outra pessoa que Ele atende a nossas necessidades. Portanto, é essencial que sirvamos uns aos outros no reino. As pessoas da Igreja precisam da força, do apoio e da liderança da comunidade, como numa reunião de discípulos. Lemos, em Doutrina e Convênios, a respeito da importância de ‘[socorrer] os fracos, [erguer] as mãos que pendem e [fortalecer] os joelhos enfraquecidos’ (D&C 81:5).” (“Small Acts of Service” [Pequenos Atos de Serviço], Ensign, dezembro de 1974, p. 2).

“Sê humilde; e o Senhor teu Deus te conduzirá pela mão e dará resposta a tuas orações” (Doutrina e Convênios 112:10). 

Será Que Alguém Me Empregará Novamente?

Pode ser que você fique preocupado, achando que ninguém mais vai querer empregá-lo por causa de seus antecedentes profissionais, mas lembre-se de que você tem valor como empregado. Pense em suas qualidades e características positivas. Prepare uma declaração do “Comercial de 30 segundos” e declarações de poder que possa mostrar àqueles com quem fizer contato pela rede e com possíveis empregadores. Enfatize os aspectos positivos de seu histórico profissional, sua experiência e suas habilidades. Se precisar de ajuda na preparação dessas declarações, consulte seu mentor ou um membro da equipe dos Serviços de Recursos de Emprego. Aproveite todas as oportunidades de fazer contato pela rede e distribua nela o seu perfil.

Demonstre ânimo ao superar suas fraquezas e aperfeiçoar suas habilidades. O Curso de Autossuficiência Profissional pode ajudá-lo a planejar como superar obstáculos e identificar recursos em sua ala e na comunidade para ajudá-lo. 

Comentários

Foi útil?