Temos Trabalho a Realizar Aqui

No Centro de Autossuficiência SUD (LDS Jobs), vamos ajudá-lo a obter um trabalho remunerado por meio de aprendizado e das redes de contato com empresas locais.

A primeira vez em que fiquei desempregado, eu mesmo pedi demissão por querer mudar de cidade e iniciar uma nova vida. Ao me preparar para a mudança, apresentei-me como voluntário no centro de recursos de emprego e ministrei o Curso de Autossuficiência Profissional.

Depois de me mudar, logo consegui um emprego e, depois de trabalhar por algum tempo, achei outro. Mas pouco mais de um ano após a mudança fiquei desempregado de novo. Dessa vez não foi por opção: eu fora demitido. E como eu não tinha trabalhado por muito tempo, não fazia jus ao seguro-desemprego.

Não sabia o que fazer. Desesperado, viajei até minha cidade natal, na tentativa de decidir como agir dali para a frente. Mas logo precisei voltar e retomar minha vida.

Comecei a procurar emprego, mas na maior parte do tempo apenas ficava em casa consultando classificados e sites de busca de emprego. Deixei meu currículo em alguns lugares, mas passaram-se alguns meses e não obtive resultado algum.

Certo dia, em casa, lembrei-me de meu último período de desemprego. Pensei em minha experiência como voluntário no Centro de Recursos de Emprego de Belém, Brasil. Eu até chegara a ajudar como instrutor do Curso de Autossuficiência Profissional. Pensei: “Bons tempos!”

De repente, ocorreu-me a pergunta: “Então o que estou fazendo sentado em casa? Eu poderia ir ajudar o próximo!”

Saí de casa naquela quinta-feira e fui até o centro de empregos de São Paulo para sondar as oportunidades de serviço existentes. Conversei com o gerente e o gerente associado e contei-lhes que já fora voluntário no passado e perguntei se poderia servir novamente de alguma forma. Eles me receberam de braços abertos e garantiram: “Temos muito trabalho a realizar aqui e precisamos de muita ajuda!” Foi ótimo vê-los tão entusiasmados com minha vontade de servir quando eu mesmo estava à procura de trabalho.

Comecei a trabalhar como voluntário no centro no dia seguinte. No mesmo dia, comecei a receber telefonemas para agendar entrevistas de emprego. Fiquei surpreso, pois não recebera uma única ligação no período em que ficara em casa!

Marquei três entrevistas naquele dia para a semana seguinte. Na semana seguinte, participei do Curso de Autossuficiência Profissional e comecei a ir a entrevistas de emprego.

O mais interessante é que, quanto mais eu servia, para mais entrevistas me chamavam. Recebi tantos convites para entrevista que precisei escolher a quais eu realmente queria comparecer.

Depois de vários dias de serviço voluntário, consegui um emprego perto de casa e para fazer algo que adorava: trabalhar com pessoas em posição de liderança.

Sou grato ao Senhor por me ajudar a ter o desejo de servir as pessoas que estão em busca de melhor instrução formal e melhores empregos. Creio no princípio ensinado em D&C 104:17: “Pois a Terra está repleta e há bastante e de sobra”.

Sei que no centro de empregos podemos achar tudo de que precisamos para ganhar autoconfiança e ter sucesso. Sou grato por este recurso que dá aos membros desempregados uma melhor perspectiva de vida. E sei que se nos empenharmos, o Senhor abrirá as portas. Tudo depende de nosso desejo e de nosso grau de disposição para ajudar o próximo.

Comentários

Foi útil?